25/02/2014

NOTA DE REPÚDIO A ADIDAS DO MOVIMENTO DEFESA DA MULHER

O Movimento Defesa da Mulher vem repudiar o incentivo ao turismo sexual no Brasil durante a Copa do Mundo pela empresa ADIDAS na comercialização de camisetas que sugerem o país como paraíso sexual. Estamos consternadas com a atitude desta empresa que é patrocinadora da Copa de 2014. É lamentável que esse tipo de propaganda ainda possa ser vista no mundo. Exigimos retratação imediata e o retiro de todos os produtos do comércio.




Em tempo: Depois do repúdio do governo brasileiro e de reclamações de consumidores nas redes sociais, a Adidas anunciou que não vai mais vender as camisetas comemorativas da Copa do Mundo que relacionavam o Brasil ao turismo sexual.


Fontes: Zero Hora e Agência Brasil

Comente com o Facebook:

Um comentário:

  1. Oi Janethe, nem fiquei sabendo desta confusão. Ainda bem que a empresa se mancou.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir

Quando a última árvore cair, derrubada; quando o último rio for envenenado; quando o último peixe for pescado, só então nos daremos conta de que dinheiro é coisa que não se come".

(Índios Amazônicos)

Twitter Facebook Google+ Email More